As etapas do desenvolvimento profissional

O desenvolvimento profissional passa por várias etapas, e baseado nas minhas experiências como esportista e campeão mundial, são elas:

1. Metas e objetivos profissionais.

A minha primeira etapa rumo ao meu desenvolvimento profissional começou muito cedo na minha vida. Inclusive, eu nem sabia o que realmente era isso, pois tinha apenas 13 anos de idade. Hoje, relembrando este tempo, percebo que fui movido primeiramente por um sonho que na medida em que o tempo passava e eu evoluía profissionalmente. Notei que aquela vontade, quase que incontrolável, leva o nome de metas e objetivos, mas que para mim continua a levar o nome de sonho, que felizmente consegui realizar: ser um jóquei campeão!

2. Criar um plano de ação.

Logo cedo também aprendi que para conseguir realizar meu sonho precisava de um plano de ação para atingi-lo. Ou seja, o objetivo do desenvolvimento profissional passa necessariamente por um plano de como chegar lá. Uma verdadeira carta náutica. É preciso saber também que todo plano terá ajustes no seu curso. Às vezes uma tempestade não prevista, atrasa um pouco a viagem, exige reparos na nossa estrutura interna. Às vezes um banco de areia pode exigir que desviemos um pouco o caminho para chegar ao destino almejado. Foi assim na minha carreira de jóquei. Ao colocar o plano em prática, vinham sempre os obstáculos, que nunca eram bem vindos, mas que precisavam ser superados e portanto traziam, na maioria das vezes, grandes aprendizados.

3. Valores pessoais.

Muitos obstáculos, por vezes, serviam para testar meu grau de comprometimento, de resiliência, honestidade, respeito, autoconfiança e inteligência emocional. Valores pessoais que sempre devem ser definidos como prioridade em todas as áreas da vida, incluindo a profissional.

4. Crescimento profissional.

Outra etapa importante foi sempre observar com especial atenção os profissionais mais experientes da minha área, e que mais se destacavam. Isto sempre me serviu como inspiração, motivação e grande oportunidade de crescimento profissional.

5. Decisões e melhoria contínua.

Mais uma etapa fundamental está ligada à rapidez na tomada de decisões, sejam elas fáceis ou difíceis. Na minha carreira como jóquei, em provas que duravam pouco mais de 1 minuto, eu desenvolvi a habilidade de decidir rapidamente. E na maioria das vezes, de forma acertada.

As decisões sempre fazem parte da nossa vida, principalmente na área profissional. Uma decisão sempre acertada está fortemente ligada ao investimento no nosso desenvolvimento profissional. Quanto mais treinamos, trabalhamos, mais preparados estaremos para esses momentos de decisão.

6. Networking e relacionamentos positivos.

Outra etapa de extrema importância está ligada ao desenvolvimento de um bom networking baseado em relacionamentos profissionais positivos. No campo dos relacionamentos, positivo atrai positivo e negativo atrai negativo. Faça sempre uma análise minuciosa antes de decidir atrair e iniciar um relacionamento profissional. O nosso foco deve sempre estar no desenvolvimento profissional e nunca no atraso profissional.

7. Alcance sua melhor versão.

Como última etapa destaco a gestão do tempo juntamente com a gestão física e mental. Me refiro a trabalhar o equilíbrio dessas energias fundamentais para conseguir manter a consciência e a consistência naquilo que estou fazendo. Em resumo é buscar dia após dia ser a melhor versão de si mesmo.